Leaderboard


Popular Content

Showing most liked content since 10/24/17 in all areas

  1. Cara dá uma olhada numa peça que chamam de cavalete da termostática, é uma peça que integra junto a válvula termostática. Tive problema parecido, e o vazamento dava origem por ali. Compre a peça original, pois apesar do maior custo ela tem durabilidade ao contrário das paralelas que custam até menos da metade do valor, porém duram cerca de 1 a 2 meses. Não custa checar a bomba d água também.
    1 like
  2. Bom dia Lucas, Obrigado pela sua resposta, é por isso que as vezes lembro dele, aperto e me pergunto, "pra que serve isso aqui", kkkk Boa semana Lucas, abraços
    1 like
  3. Boa tarde, alguém sabe para que serve este botão que fiz um print e sinalizei abaixo, obrigado
    1 like
  4. Opa, esse botão é para desativar o sensor do alarme no interior do veiculo.
    1 like
  5. vou acompanhar esse post pq o meu tbm tem alguma coisa la. Mas além de se atentar nessa mancha, olha se n tem ferrugem no reservatório de expansão, no meu gol quando coloquei aditivo tive q trocar carcaça dagua, tubo dagua, valvula tesmostática, tudo pq o antigo dono so rodava com agua e tava cheio de ferrugem
    1 like
  6. Hg5 , meu voyage apresentou este problema sempre em marcha lenta piscava e quando a rotação caia motor quente e tal , fui em 2 oficinas diferentes uma o mec falou que era problema com lubrificação desconfiava da bomba de oleo sem pressão e na pior das hipoteses o cabeçote que não recebeu a devida lubrificação etc e que no segundo caso teria que retificar o cabeçote,na segunda oficina mec mediu a pressao da bomba e disse que a pressao tava ruim resolvi fazer o serviço total 650 conto incluindo troca de oleo junta bomba original e mão de obra .tirei o carro da oficina com serviço feito passados dois dias após o carro aquecer a luz apareceu novamente , voltei na oficina o mec disse que teria que comprar um outro cabeçote . fiquei p... resolvi ir em um cara que mexe no fundos da casa dele proximo de minha casa , ele estava montando um motor de motor de fox 12/13 e estava com um sensor de oleo novinho na caixa pr colocar no motor ele falou vamos fazer um teste com esta cebolinha nova roda bastente com ela se acender vc volta pra gente verificar novamente rodei no dia quase 100 km com o carro e não acendeu alias Gracas a Deus não acendeu mais . a cebolinha que usou foi a 3rho a que estava no meu carro era original vw . verifica bastante vai em varias oficinas pra não gastar dinheiro em vão. desculpe o tamanho do texto mas pode ser que te ajude.
    1 like
  7. Tenho Gol G5 trend 2011, ele tem painel quase completo so falta computador de bordo. O resto tem tudo rpm e etc. Gostaria de saber se eu comprar um painel com computador de bordo e instalar normalmente vai funcionar tudo inclusive o computador de bordo.
    1 like
  8. Como havia falado estou montando um G6 2 portas para arrancada!! O projeto ainda está em fase final de montagem!! Vai andar com motor 2.0 8v fluxo cruzado e um turbo de 68mm! Câmbio forjado,semi eixos forjados,suspensão especial pra arrancada e injeção FT600!! Seguem as fotos:
    1 like
  9. No batente das portas onde a fechadura do carro se prende existem dois parafusos que prende uma peça prata em forma de U. É só soltas e empurrar em direção a parte interna do veiculo e depois apertar. Feito isso a porta fecha com mais pressão e não faz mais barulhoo
    1 like
  10. Eu havia comprado o meu Gol G6 2015 e ele estava com um óleo da Selenia possivelmente 5w30, por fim, efetuei a troca por um original da Castrol 5w40 com norma VW 508 88 e 509 99 também troquei tudo original filtros: ar do motor, filtro do óleo, do bujão, do combustível, e da cabine. Por fim, não sou experto no assunto, mas senti uma diferença absurda no consumo e o óleo Selenia estava "podre com a queima de carbono" e outro detalhe que pode perceber e a diferença do consumo entre gás. adit. e a comum, aditivada a bem mais eficiente rendendo mais, a explicação fui buscar na internet e a questão da limpeza que ela faz e de não deixar esta alta concentracao de carbono no óleo, por fim, não troco mais de óleo sem ser especifico com a norma VW e também só utilizarei Gasolina Aditivada.
    1 like
  11. Boa noite galera! Sou novo por aqui e vim me apresentar!! Meu nome é Fabio Rodrigo Martins, sou mecânico e preparador na Speedcar Racing de Campo Bom RS!!! Estou montando um gol G6 de arrancada para a categoria DT B!! Vou criar um tópico mostrando um pouco do carro!!!! Abraço a todos!!
    1 like
  12. Troquei bobina hoje, o meu carro estava morrendo principalmente com ar ligado, quando exigia muito do motor ele começava a falhar o primeiro cilindro e depois o terceiro, acabei morrendo em 500 temers, minha bobina é aquela de 6 pinos e optei por colocae bosch para evitar possíveis problemas, troquei cabos e velas tbm. A bobina acaba nos enganando e deixando louco, engraçado que minha bobina só falhava quando esquentava e exigia muito do carro. Pensei que pudesse ser outra coisa, mais no final das contas era a abençoada da bobina
    1 like
  13. Problema resolvido. Troquei a bobina e o carro ta zero. Obs: encontrei uma bobina original usada pelo valor de 50 reais. Eh muito melhor uma usada original do q uma nova de marca paralela.
    1 like
  14. Pessoal muito obrigado! Era somente força mesmo!
    1 like
  15. Já dizia o ditado: "Já que tá dentro deixa". É como o colega ai de cima falou, não vai lascar o motor só de colocar o 5w30 lá dentro mas tenta antecipar ao máximo essa troca e da próxima coloca um 5w40. O 5w30 é mais fino na fase quente e não tem as mesmas propriedades de lubrificação que o 5w40
    1 like
  16. E ai galera, Venho compartilhar as fotos do meu G7. Mais fotos no meu Instagram (@henriquedtr)
    1 like
  17. Sim Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
    1 like
  18. Mesmíssima M... Só mudam os tecidos.
    1 like
  19. Cara, temos q ver uma coisa, o motor dos Gol's ja são zuados, rodar com um oleo diferente do acostumado vai dar dor de cabeca mais pra frente, se usamos um oleo mais grosso uma vz, nas posteriores tem q ser desse mais grosso, senao o mais fino n faz a funcao dele, e se colocar um mais fino doq o acostumado, acontece a mesma coisa q falei.kkk so inverti a sequencia.haha, mas eu evitaria rodar com um oleo diferente!
    1 like
  20. Não é comum a lâmpada queimar pq é de led. Queimou só uma ou todas? Pq se for todas muito provável q seja o chicote elétrico q vai pro porta malas rompeu os fios, é mto comum isso. Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk
    1 like
  21. 1 like
  22. Vai de Michelin! Enviado de meu Moto G Play usando Tapatalk
    1 like
  23. Os 2008 e 2009 tiveram problemas, muitos, mas não todos. Mudaram o plano de trocas de óleo depois disto. Não é crônico, aconteceu com alguns primeiros. Militec auxilia na partida fria, quando o óleo ainda não subiu do carter e não está com a temperatura ideal. Tuchos a maioria bate ou vai bater. Antichamas vazando em que parte? Pode estar saturado ou entupido por borra. Ideal é retirar pra limpar e trocar os retentores (são dois).
    1 like
  24. Pinafi, tem uma dica que é acionar a chave até a posição do sistema, sem ligar o motor e pressionar ao mesmo tempo os dois botões na posição de levantar os vidros. Pressiona e fica segurando por uns 10 segundos. Isso vai reprogramar a centralina. O meu aconteceu isso a um mês quando desliguei bateria para limpar o terminal.
    1 like
  25. 2 -Street bass 15 450 rms cada Modulo HD 1600 (Street bass 15) 4 -cornetas D250x Modulo HF404 (Cornetas) 2- Medio Grave de 6 SHUTT Modulo SD600.1 (MEDIO GRAVE) Mega capacitor Tech Noise Crossover Crx-4 Voltimetro Bateria Estacionaria 70 ah + 80 ah no Cofre
    1 like
  26. Boa Noite a todos Estou pensando em colocar GNV no meu power 2009, já que a garantia já acabou Porém necessito saber se alguém já colocou para eu poder tirar umas dúvidas. Obrigado
    1 like
  27. amigo, no começo quando meu carro começou a falhar...toquei os basicos. cabos e velas...fiz a limpeza de TBI e dos bicos de injeção... E continuou a falhar... então meu mecanico fez o teste na bobina. e viu a falha.. troquei a mesma e o problema foi resolvido. abs.
    1 like
  28. Então pessoal, ta aí umas fotos dos ups mais recentes, coisa bem simples, as tampinhas dos parafuso das rodas e o refletor do para-choque traseiro. Próximos ups: Apoio de braço central para o motorista e uma ponteira pro escapamento, além de uma lâmpada pro farol de neblina pq queimou a da esquerda (amarela talvez? Aquela marca Nokya é boa?).
    1 like
  29. Olá, preciso do esquema de ligação para a tomada do puxador de reboque do Gol 2014. Desde já agradeço.
    1 like
  30. Alguma possibilidade de realizar esse serviço no farol do G5 ?
    1 like
  31. Entidades responsáveis pelas normas de óleo. SAE - Society of Automotive Engineers É a classificação mais antiga para lubrificantes automotivos, definindo faixas de viscosidade e não levando em conta os requisitos de desempenho. Apresenta uma classificação para óleos de motor e outra específica para óleos de transmissão. Mais informações em "O que significam os números (20W/40, 50, etc.) que aparecem nas embalagens de óleo?". API – American Petroleum Institute Grupo que elaborou, em conjunto com a ASTM (American Society for testing and Materials), especificações que definem níveis de desempenho que os óleos lubrificantes devem atender. Essas especificações funcionam como um guia para a escolha por parte do consumidor. Para carros de passeio, por exemplo, temos os níveis API SL, SJ, SH, SG, etc. O “S” desta sigla significa Service Station, e a outra letra define o desempenho. O primeiro nível foi o API AS, obsoleto há muito tempo, consistindo em um óleo mineral puro, sem qualquer aditivação. Com a evolução dos motores, os óleos sofreram modificações, através da adição de aditivos, para atender às exigências dos fabricantes dos motores no que se refere à proteção contra desgaste e corrosão, redução de emissões e da formação de depósito, etc. Atualmente, o nível API SL é o mais avançado. No caso de motores diesel, a classificação é API CI-C4, CH-4, CG-4, CF, etc. O "C" significa Commercial. A API classifica ainda óleos para motores dois tempos e óleos para transmissão e engrenagens. ACEA - Association des Constructeurs Européens de l'Automobile (antiga CCMC) Classificação européia associa alguns testes da classificação API, ensaios de motores europeus (Volkswagen, Peugeot, Mercedes Benz, etc.) e ensaios de laboratório. JASO – Japanese Automobile Standards Organization Define especificação para a classificação de lubrificantes para motores a dois tempos (FA, FB e FC, em ordem crescente de desempenho). NMMA - National Marine Manufactures Association Substitui o antigo BIA (Boating Industry Association), classificando os óleos lubrificantes que satisfazem suas exigências com a sigla TC-W (Two Cycle Water), aplicável somente a motores de popa a dois tempos. Atualmente encontramos óleos nível TC-W3, pois os níveis anteriores estão em desuso. Classificação para motores a gasolina: A classificação para motores a gasolina que leva a letra S (de service station – posto de gasolina em inglês) seguida de outra letra que determina a evolução dos óleos. Esta classificação é de fácil entendimento já que a evolução das letras significa a evolução da qualidade dos óleos. Os óleos são classificados então como SA, SB, SC, SE, SF, SG, SH, SJ e SL. A classificação mais recente é a API SL logo, quando é recomendado um óleo com classificação SJ poderá ser usado um óleo SL, porém o contrário não é permitido. O que significam os números (20W/40, 50, etc.) que aparecem nas embalagens de óleo? Estes números que aparecem nas embalagens dos óleos lubrificantes automotivos (30, 40, 20W/40, etc.) correspondem à classificação da SAE (Society of Automotive Engineers), que se baseia na viscosidade dos óleos a 100oC, apresentando duas escalas: uma de baixa temperatura (de 0W até 25W) e outra de alta temperatura (de 20 a 60). A letra “W” significa “Winter” (inverno, em inglês) e ela faz parte do primeiro número, como complemento para identificação. Quanto maior o número, maior a viscosidade, para o óleo suportar maiores temperaturas. Graus menores suportam baixas temperaturas sem se solidificar ou prejudicar a bombeabilidade. Um óleo do tipo monograu (como o Lubrax MG-1) só pode ser classificado em um tipo escala (o MG-1 apresenta os graus 20W, 30, 40 ou 50). Já um óleo com um índice de viscosidade maior pode ser enquadrado nas duas faixas de temperatura, por apresentar menor variação de viscosidade em virtude da alteração da temperatura. Desta forma, um óleo multigrau SAE 20W/40 se comporta a baixa temperatura como um óleo 20W reduzindo o desgaste na partida do motor ainda frio e em alta temperatura se comporta como um óleo SAE 40, tendo uma ampla faixa de utilização. O Lubrax MG-4, o Lubrax SJ e o Lubrax Sintético são alguns exemplos de óleos multigrau de nossa linha de lubrificantes automotivos. Uma outra especificação muito importante é o nível API (American Petroleum Institute) Quando for usar um óleo em seu carro, consulte o manual e fique atento a estas especificações. Eis alguns exemplos: Lubrax MG-4 SAE 20W/40 – API SF Lubrax SL SAE 20W/50 – API SL Lubrax TECNO SAE 20W/50 – API SL Lubrax SJ SAE 20W/50 – API SJ Lubrax Sintético SAE 5W/50 – API SJ Fontes: http://www.ips.ind.br/site/default.asp?TroncoID=605539&SecaoID=509293&SubsecaoID=0 http://www.fazfacil.com.br/manutencao/classificado-oleo-lubrificante/2/
    1 like
  32. Bom dia meus amigos, Para ajudar abaixo as tabela de óleos para nossos motores EA-111 divulgado pela própria VW em seu site com as principais marcas recomendadas de acordo com cada especificação: http://www.vw.com.br/pt/servicos/servicos_e_manutencao0/oleos_e_fluidos.html Norma VW 502.00: Óleo Original de Fábrica: CASTROL MAGNATEC PROFESSIONAL SAE 5W40 Volkswagen G 052 167 A 4 Modelos Nacionais e Importados produzidos a partir de: 12/2002 VW 502 00 (motores à gasolina e totalflex) SAE 0 W 30 Castrol Edge Professional A3 SAE 0 W 40 Mobil 1 SAE 5 W 30 Shell Helix Ultra E SAE 5 W 40 Elaion F50 Elaion SUV Havoline Ultra S Ipiranga F1 Master Lubrax Supera Mobil Super 3000 X1 Motul 8100 X Cess Motul 8100 X Clean Pentosynth HC Shell Helix HX7 Shell Helix Ultra Total Quartz 9000 SAE 10 W 40 Motul 6100 Synergie + Nova Norma VW 508.88: Óleo Original de Fábrica: CASTROL MAGNATEC PROFESSIONAL 508 88 SAE 5W40 Volkswagen G 052 553 R2 Modelos Nacionais a partir da linha 2014 VW 508 88 Motores Totalflex SAE 5 W 40 Elaion F50 Plus Motul Specific 508 88 509 99 Pentosynth R Não recomendo o 15w40 por não fazer parte da tabela de óleos especificados, veja acima, apesar de mais barato, tem relatos de amigos que usaram e acharam o carro amarrado e beberrão. "Mexânicos insistem em dizer que quando o carro "tá com alta quilometragem" tem de usar Óleo mais grosso, sabe para que quê? Carro com Óleo mais grosso não fuma, para se evitar de imediato uma retifica de motor. Usar Óleo mais grosso só vai retardar a retifica e estragar ainda mais o motor que necessita de cuidados e retifica. Carro com alta quilometragem com Motor Cansado não precisa de Óleo Grosso e sim de cuidados e retifica. E no nosso caso tem de usar óleo sintetico, o nosso motor EA-111 não foi projetado pra rodar com 15w40, no caso do amigo que o carro está com 118.000 Km, qual o histórico de Óleos do Carro o amigo sabe dizer? Se não quiser usar o 5w40 por achar que o mesmo é "fino" use o 10w40 que é mais grosso. Apenas lembre se olhar na embalagem se o Óleo atende a norma VW 502.00, se atender use sem restrições. OBS: Uma correção a norma VW 505.00 é para motores diesel, mas a especificação do Óleo é a mesma que a norma VW 502.00 mas é Óleo versão diesel. Abraços a todos
    1 like
  33. Fabio, O modulo Isystem vem junto com o painel.... mesmo pq senao não estaria funcionando as função do computador... Pelo q sei o Radio é ligado por cabo no painel... mas sinceramente, não gasta dinheiro com esse radio original... é 2 trabalhos, instalar e depois desinstalar com raiva... Joga um 2 DIn q fica facil na saveiro... ABs
    1 like