Gabriel Tavares

Project Car - VW Gol 1.6 8v Aspirado

162 posts in this topic

Esse coletor não vai ficara puxando muito ar quente não?seria da hora se desse para troca a posição do motor   :diablo:

 

Não porque pretendo utilizar manta térmica no escapamento, o que deve reduzir bastante a temperatura no cofre do motor.

 

Claro que o ideal seria uma posição invertida, mas é tecnicamente sem chances de fazer haha

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalizando projeto do meu GOL aspro... veiculo já rondando e bem diga-se de passagem kkkk http://forum.g5g6.club/topic/5294-motor-mais-brabo-gol-g5-dicas/page-8#entry207080pra galera que quer dar uma olhada.

Passei para agradeser O Gabriel nosso famoso GMT, mesmo a distancia me ajudou no projeto dando consultoria e dicas VLW!!!

Deixei um toki do goleta com sua marca Obrigado pela ajuda

 

 

post-29680-0-83696700-1445539270_thumb.j

km.vini and Gabriel Tavares like this

Share this post


Link to post
Share on other sites

queria ter esse espaço para mexer tmb em casa...kkkk mas boa sorte ai ! uma pergunta...se vc fosse deixar com visual g6 ele aceitaria tudo? abrç.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalizando projeto do meu GOL aspro... veiculo já rondando e bem diga-se de passagem kkkk http://forum.g5g6.club/topic/5294-motor-mais-brabo-gol-g5-dicas/page-8#entry207080pra galera que quer dar uma olhada.

Passei para agradeser O Gabriel nosso famoso GMT, mesmo a distancia me ajudou no projeto dando consultoria e dicas VLW!!!

Deixei um toki do goleta com sua marca Obrigado pela ajuda

 

 

attachicon.gifDSC00244.JPG

 

 

E aí cara! Tá ficando bacana mesmo!

 

Agradeço aí a "divulgação" hahaha

 

No mais o que precisar, basta dar um toque...

 

Abraço!

 

 

queria ter esse espaço para mexer tmb em casa...kkkk mas boa sorte ai ! uma pergunta...se vc fosse deixar com visual g6 ele aceitaria tudo? abrç.

 

 

kkkkkk Valeu!

 

Respondendo sua pergunta, não tinha pensado na ideia, mas acredito que seja apenas "plug and play" mesmo...

 

Abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Trazendo algumas novidades, galera...

 

O projeto em si anda um pouco “parado”, mas vamos lá!

 

Antes da pintura final do interior, preciso fabricar os novos suportes dos bancos do motorista e do passageiro. Esses suportes serão fixos, sem possibilidade de regulagem posterior. Em outras palavras, não existirão mais os trilhos originais.

 

Uma vez que a distância do banco do motorista tem que ser precisa, voltei com o painel de instrumentos e o volante para ter uma noção melhor do espaço.

 

LEBnzRn.jpg

 

8Gd9hYH.jpg

 

Com o painel montado (ou apenas o necessário) foquei em trabalhar a parte do assoalho.

 

Desde o Gol geração 4, os trilhos por onde os bancos deslizam para serem regulados tem sua estrutura soldada no próprio “chão” do carro, precisando ser retirada para a instalação dos bancos.

 

boiRLHb.jpg

 

xGAQcp1.jpg

 

Qyda8yI.jpg

 

NhKExum.jpg

 

Mas sempre precisa retirar isso para instalar os bancos concha?

 

Honestamente, não. A questão apenas é que não teria lógica deixar os trilhos lá, mesmo que dê um trabalho da por%&$# para tirá-los.

 

zK0ee2m.jpg

 

HSbeJvH.jpg

 

SAiQKpJ.jpg

 

yvo2T4V.jpg

 

xnnML8q.jpg

 

fFK4RIK.jpg

 

Aproveitando o embalo, aproveitei para retirar alguns suportes e pontos de fixação no cofre do motor que não irão mais ser utilizados.

 

Ainda faltam alguns detalhes, mas já é possível ter noção do resultado.

 

gPhbF3o.jpg

 

4mF9jEi.jpg

 

esgJ2JC.jpg

 

uU459Tl.jpg

 

MXJP32U.jpg

 

lbdpT1T.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sensacional o projeto!

 

Parabéns pela disposição e coragem meu caro!

 

Abraços

 

Hahaha Obrigado Clovis!

 

Abraço

clovis_cam likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Surgiu uma oportunidade e acabei pegando um novo dosador de combustível.

 

Mantém a mesma configuração do que seria usado até então, com regulagem 1:1.

 

xzFK49T.jpg

 

Rjp2pJw.jpg

clovis_cam likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalmente o carro foi para a lanternagem.

 

Por agora vão ser feitos alguns acabamentos no assoalho e no compartimento do motor.

 

Acredito que até a semana que vem já termine esse serviço.

 

hvSbevI.jpg

O Gol: 1 ano e 6 meses sem ver o Sol.

 

Aproveitando essa semana, usinei os parafusos de fixação do volante do motor.

 

Como os que comprei eram específicos para o motor AP, precisei retirar 3,0mm de cada um para que não pegassem no último mancal do virabrequim.

 

w71UjeG.jpg

 

GinCy9N.jpg

 

 

O mesmo trabalho foi realizado nos prisioneiros dos mancais, que também eram específicos para AP.

 

Ao todo foram 5,6mm de excesso que foram tirados.

 

M8ccEKz.jpg

 

6m1W3TY.jpg

 

mKS7jJ0.jpg

Comparativo entre o parafuso original e o prisioneiro forjado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje pela manhã o carro voltou da lanternagem.

 

Nesse ponto, vale destacar que em 24 anos de vida, foi a primeira vez que vi uma oficina de lanternagem e pintura entregar o carro na data combinada, além de realizar  serviço de maneira extremamente detalhada.

 

Ainda existe esperança na humanidade.

 

Voltando a falar do carro...

 

Basicamente, os serviços feitos foram:

 

  • Retirada completa dos trilhos dos bancos dianteiros;
  • Solda nos pontos de fixação dos antigos trilhos dos bancos dianteiros;
  • Retirada dos pontos de apoio do banco traseiro;
  • Retirada do ponto de fixação do estepe;
  • Eliminação de prisioneiros no compartimento do motor;
  • Eliminação da passagem das mangueiras do A/C e do ar-quente para o interior;

 

 

4MMAovL.jpg

 

gKyKm9d.jpg

 

QYQwoM1.jpg

 

voD2LoB.jpg

 

iwCO9p5.jpg

 

5xQ1DGE.jpg

 

xUrkfHC.jpg

 

49L9hlX.jpg

 

WcSGsku.jpg

 

K0vHrtT.jpg

 

ityQ0Yw.jpg

 

zDDVCxf.jpg

 

 

Como podem ver, nenhuma parte foi pintada ainda.

 

O “acabamento” que aparece nas fotos nada mais é do que primer, aplicado no intuito de evitar a contaminação das chapas.

 

Todas as imperfeições que aparecem serão corrigidas na pintura final, mas que só será feita após a fabricação do tanque de combustível (que ficará no antigo local do estepe), dos suportes dos bancos concha e dos reservatórios de óleo do motor.

 

Por enquanto, é isso.

 

Amanhã já devem chegar algumas conexões da parte de freios e, até semana que vem, a bomba de óleo externa (!).

Edited by Gabriel Tavares
Ulisses Cheohen likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje pela manhã o carro voltou da lanternagem.

 

Nesse ponto, vale destacar que em 24 anos de vida, foi a primeira vez que vi uma oficina de lanternagem e pintura entregar o carro na data combinada, além de realizar  serviço de maneira extremamente detalhada.

 

Ainda existe esperança na humanidade.

 

Voltando a falar do carro...

 

Basicamente, os serviços feitos foram:

 

  • Retirada completa dos trilhos dos bancos dianteiros;
  • Solda nos pontos de fixação dos antigos trilhos dos bancos dianteiros;
  • Retirada dos pontos de apoio do banco traseiro;
  • Retirada do ponto de fixação do estepe;
  • Eliminação de prisioneiros no compartimento do motor;
  • Eliminação da passagem das mangueiras do A/C e do ar-quente para o interior;

 

 

4MMAovL.jpg

 

gKyKm9d.jpg

 

QYQwoM1.jpg

 

voD2LoB.jpg

 

iwCO9p5.jpg

 

5xQ1DGE.jpg

 

xUrkfHC.jpg

 

49L9hlX.jpg

 

WcSGsku.jpg

 

K0vHrtT.jpg

 

ityQ0Yw.jpg

 

zDDVCxf.jpg

 

 

Como podem ver, nenhuma parte foi pintada ainda.

 

O “acabamento” que aparece nas fotos nada mais é do que primer, aplicado no intuito de evitar a contaminação das chapas.

 

Todas as imperfeições que aparecem serão corrigidas na pintura final, mas que só será feita após a fabricação do tanque de combustível (que ficará no antigo local do estepe), dos suportes dos bancos concha e dos reservatórios de óleo do motor.

 

Por enquanto, é isso.

 

Amanhã já devem chegar algumas conexões da parte de freios e, até semana que vem, a bomba de óleo externa (!).

 

Esse carro tá ficando animal. Parabéns!

Gabriel Tavares likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Finalmente a bomba de óleo chegou...

 

Trata-se de uma bomba de óleo COLLOC, com 3 estágios de atuação e acionamento externo.

 

Diferentemente do modelo tradicional, o óleo do motor não será mais armazenado no cárter, e sim em um reservatório dedicado com capacidade total para 10L, apesar de apenas 7L serem usados para a correta lubrificação.

 

O esquema abaixo demonstra a montagem do sistema.

 

 

gLhgj0e.png

 

 

A linha em vermelho indica o primeiro estágio da bomba, que suga o óleo lubrificante do reservatório e o envia pressurizado para o motor.

 

O segundo e o terceiro estágio drenam todo o óleo que escorre para o cárter através das duas linhas representadas em amarelo.

 

O fim do ciclo se dá através das linhas verdes, que representam o retorno do óleo para o reservatório externo.

 

Vale lembrar que o acionamento deste tipo de bomba se dá por meio de correia dentada exclusiva, com padrão de engrenagens de 17/34.

 

Em outras palavras, o eixo da bomba gira com metade da velocidade do virabrequim.

 

 

IEI223R.jpg

 

stwaoFG.jpg

 

HaMuLdm.jpg

 

ChKin5z.jpg

 

kHmaw9W.jpg

 

0M6yFco.jpg

 

QwtyWgc.jpg

 

o9McS0X.jpg

 

 

Interessante também comentar que a bomba possui pressão/vazão reguláveis, auxiliando fortemente no bom funcionamento do motor.

Ulisses Cheohen likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Teu projeto tá M.U.I.T.O FODA. Parabéns!
Os coletores de admissão ficaram FODAS. Uma pena que não ficam virados pra frente.

​Mas, uma pergunta que não quer calar: E o investimento? Tem o cálculo do gasto de tudo por enquanto? Poderia revelar pra galera?

Gabriel Tavares likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Teu projeto tá M.U.I.T.O FODA. Parabéns!

Os coletores de admissão ficaram FODAS. Uma pena que não ficam virados pra frente.

​Mas, uma pergunta que não quer calar: E o investimento? Tem o cálculo do gasto de tudo por enquanto? Poderia revelar pra galera?

 

Beleza, Bruno?

 

Agradeço o elogio... Quanto ao investimento, anoto tudo em uma planilha, somando pouco mais de R$ 20.000,00 até agora...

 

Abraço!

gilsonf likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Devagar e sempre...

 

Hoje chegou a polia da roda fônica Fueltech by Expert.

 

O modelo escolhido transfere a roda fônica para frente do motor, facilitando e muito qualquer tipo de manutenção posterior. Além disso, ela já vem com a engrenagem de acionamento da bomba de óleo externa, incluindo também o suporte para polia damper.

 

Mas o que é polia damper?

 

É uma polia balanceadora, cuja finalidade é a de eliminar vibrações do virabrequim através de um elastômero (espécie de borracha) fixado em seu interior.

 

Em altas rotações é algo bem útil, ainda mais considerando que pretendo girar até a casa dos 8.500rpm aproximadamente.

 

 

zx1wi20.jpg

 

0I0Dcfc.jpg

 

Mz9NxRY.jpg

 

uky8K7w.jpg

 

ePo6hAN.jpg

 

Wrko5SR.jpg

 

XOQVEZ3.jpg

 

aQ45Lp1.jpg

 

 spLAaBX.jpg

 

 

Detalhe para o ressalto de sincronismo da engrenagem do virabrequim com a polia original de acessórios.

 

Posteriormente vou precisar retirá-lo para a adaptação.

Rodrigolm and Ulisses Cheohen like this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara, show o projeto! Fazer um motor "aspiradinho" é o que eu mais gosto, porém é o mais caro kkkk.

 

Realmente foda o que você está fazendo. Sei que com isso é impossível não ter um gasto relativamente "alto" (até porque várias peças primárias de preparação você se obriga a mandar desenvolver - como o comando, por exemplo), mas o resultado final deve ser muito bom. Tô curioso pra ver como que isso vai ficar.

 

Tenho uma Saveiro 16v e ela anda bem, originalmente o EA111 8v leva uma bela benga do EA211 16v (já fiz o teste uahauua) , mas o cabeçote desse motor, todo "integrado" é um pouco decepcionante, e tecnicamente não dá pra nem pensar em modificar ele.. O fato do 8v ser um pouco mais primitivo facilita na hora de preparar. O máximo que pode acontecer no meu caso é um swap de cabeçote, mas qual? É difícil ver motores atuais com preparação já bem desenvolvida. Tudo bem que, você tem que dar o tempo necessário para que os interessados desenvolvam algo, mas aí quando li que existe uma galeria de água envolvendo o cabeçote e o coletor de escape (parte interna) no 1.6 16v já me deu aquela depressão hauahauhuauha

 

Show seu Gol, quero muito ver como que isso vai ficar quando passar no dinamômetro

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara, show o projeto! Fazer um motor "aspiradinho" é o que eu mais gosto, porém é o mais caro kkkk.

 

Realmente foda o que você está fazendo. Sei que com isso é impossível não ter um gasto relativamente "alto" (até porque várias peças primárias de preparação você se obriga a mandar desenvolver - como o comando, por exemplo), mas o resultado final deve ser muito bom. Tô curioso pra ver como que isso vai ficar.

 

Tenho uma Saveiro 16v e ela anda bem, originalmente o EA111 8v leva uma bela benga do EA211 16v (já fiz o teste uahauua) , mas o cabeçote desse motor, todo "integrado" é um pouco decepcionante, e tecnicamente não dá pra nem pensar em modificar ele.. O fato do 8v ser um pouco mais primitivo facilita na hora de preparar. O máximo que pode acontecer no meu caso é um swap de cabeçote, mas qual? É difícil ver motores atuais com preparação já bem desenvolvida. Tudo bem que, você tem que dar o tempo necessário para que os interessados desenvolvam algo, mas aí quando li que existe uma galeria de água envolvendo o cabeçote e o coletor de escape (parte interna) no 1.6 16v já me deu aquela depressão hauahauhuauha

 

Show seu Gol, quero muito ver como que isso vai ficar quando passar no dinamômetro

 

 

Agradeço os elogios, cara!

 

Realmente, desenvolver um motor fora dos padrões de mercado é bem complicado. Não só o fator financeiro tem impacto, mas o tempo consumido com projeto e fabricação dos componentes é um tanto quanto desgastante também.

 

Lembro que quando anunciaram estes novos cabeçotes fiquei bem animado, mas logo em seguida veio a frustração hahaha

 

Abraço!

robertol likes this

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agradeço os elogios, cara!

 

Realmente, desenvolver um motor fora dos padrões de mercado é bem complicado. Não só o fator financeiro tem impacto, mas o tempo consumido com projeto e fabricação dos componentes é um tanto quanto desgastante também.

 

Lembro que quando anunciaram estes novos cabeçotes fiquei bem animado, mas logo em seguida veio a frustração hahaha

 

Abraço!

 

E o pior é que, se não fosse esse esquema que fizeram com o cabeçote (tudo bem que no uso "civil" tem seus pontos positivos), seria um belo prato para poder brincar um pouco... Eu certamente me interessaria em desenvolver um comando de 260º, 270º talvez, para fazer o motor ser mais esperto, fazendo a Saveiro ficar meio sleeper aahhuahuahua

 

Tô acompanhando seu projeto, quero muito ver o quanto que dá pra tirar desse motor aspirad"inho", Abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites

E o pior é que, se não fosse esse esquema que fizeram com o cabeçote (tudo bem que no uso "civil" tem seus pontos positivos), seria um belo prato para poder brincar um pouco... Eu certamente me interessaria em desenvolver um comando de 260º, 270º talvez, para fazer o motor ser mais esperto, fazendo a Saveiro ficar meio sleeper aahhuahuahua

 

Tô acompanhando seu projeto, quero muito ver o quanto que dá pra tirar desse motor aspirad"inho", Abraço!

 

 

Hahahaha Verdade! Seria bem bacana ver esse motor sendo melhorado...

 

Abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!


Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.


Sign In Now